quinta-feira, 23 de abril de 2015

Onde acampar no Ceará? | Review Sítio do Bosco, em Tianguá

Aproveitamos (mais um) feriado prolongado e resolvemos arrumar as malas e viajar. O destino da vez foi a sempre querida #serradaibiapaba, uma região com forte apelo turístico e que atrai visitantes o ano inteiro em busca de conhecer “um outro Ceará”, de clima frio (de 16 a 25º, em média). Próximo a divisa com o Piauí, a região é composta por municípios que oferecem ao visitante muita aventura e contato com a natureza, com banhos de bicas, cachoeiras, trilhas, parque nacional e muito mais. 

Contudo, tínhamos alguns dificultadores em nossa viagem que limitavam um pouco o nosso roteiro. O primeiro deles foi sem dúvida estar com uma criança de apenas 4 anos. Buscamos, por tanto, conhecer locais de fácil acesso e com trilhas curtas. Por um lado isso não nos permitiu conhecer alguns pontos turísticos que requerem um pouco mais de aventura do visitante. Mas, por outro, não impediu que tivéssemos acesso a lindas paisagens e deliciosos banhos. O segundo motivo foi o curto tempo para tantas opções. Foi difícil conseguir fechar um roteiro, pois tínhamos apenas 5 dias para visitarmos 5 cidades e algumas delas realmente mereciam muito mais da nossa atenção. No final, voltamos realizados, felizes e claro, com vontade de voltar logo, né?


A nossa primeira parada foi a cidade de Tianguá, distante cerca de 320km de Fortaleza. A viagem, feita pela BR-222, dura cerca de 4h30. Ficamos mais precisamente no Sítio do Bosco, um empreendimento local muito procurado por quem visita a região e que colocou de vez a cidade no roteiro de aventura da Ibiapaba. Fizemos todo o contato antes com a equipe via telefone e sempre foram muito solícitos no atendimento. O Sítio do Bosco é um recanto frio e sossegado, considerado como um dos melhores campings do Nordeste. Sua infraestrutura é equipada para receber até 500 campistas.

LOCALIZAÇÃO
Saindo de Fortaleza, seguimos pela BR-222 até chegar em Tianguá. Uma placa sinaliza a entrada para o Sítio, cerca de 4kms após a BR. A estrada está boa e não tivemos qualquer contratempo no caminho. Ressaltando que estávamos em veículo próprio, mas é possível pegar táxi ou moto-táxi no centro de Tianguá e se deslocar até o Sítio. Chegamos ao local por volta das 14h e após nos identificarmos na entrada e pagar a diária da hospedagem, onde nos foi dada pulseiras de identificação, nos apresentamos a equipe responsável pelo camping.

ÁREA DE CAMPING
O valor da diária é de R$ 50,00 com a sua barraca e R$ 60,00 com a barraca deles. Também existe a opção de chalés, com diárias que custam R$ 200,00 (valores em abril de 2015). Optamos por acampar e usarmos a barraca deles. Nos foi orientado levar apenas lençóis e travesseiros. O valor é pago na chegada e inclui a diária para casal (nossa filha ficou conosco na barraca e não pagou nenhuma taxa extra) e café da manhã.

Encontramos várias barracas já montadas e escolhemos uma, com uma super vista da “varanda” para a serra. Em poucos minutos colocaram os colchonetes com cobertas limpas. Vale ressaltar que como chovia as barracas já estavam com uma lona protetora, impedindo qualquer infiltração. Foram todos muito atenciosos e solícitos. 


Acompanhe um pouco mais da nossa viagem pelo instagran @rodandopeloceara através da hastag #rodandopelaibiapaba.


A área coletiva como banheiro estava sempre limpa. Há alguns locais que é possível ficar com a barraca próxima a tomadas de energia, mas acabamos percebendo isso só depois de já instalados. De toda forma, têm-se muitas tomadas espalhadas, como no bar temático, banheiro, restaurante etc.



SERVIÇOS
A hospedagem (entre R$ 50,00 e R$ 60,00 na área de camping e R$ 200,00 no chalé) inclui café da manhã, que achamos farto, com opções de suco, café, leite, pães, bolo, tapioca, frutas, frios e ovos. Tudo fresquinho e muito gostoso. É servido no restaurante, área comum do camping próximo a entrada.



A internet wifi é free e funciona bem. O uso foi tranquilo durante todo o período. Não possui cozinha comunitária, mas dispõe de restaurante com almoço e jantar e uma lanchonete ao lado do mirante, também bem servida. Após instalados, seguimos para um delicioso e gelado banho em uma piscina natural. A descida é por uma pequena trilha tranquila de ser feita e o banho recompensador. 


Para as crianças existe a opção do parquinho logo ao lado da área de camping, com balanço, escorrega e uma pequena escalada. Nossa filha gostou muito e foi um atrativo a mais pra estarmos brincando com ela.



Ressalva para o cardápio do bar temático, que por sinal é um charme a parte. Fizemos um lanche super gostoso por um preço justo. Misto quente R$ 3,00. Chocolate quente R$ 4,00. Não provamos, mas nos disseram que os pastéis (R$ 10,00 8 unidades) são bem grandes e satisfaz bem 2-3 pessoas. Também há opção de jantar no restaurante até às 19h30. Jantamos um frango assado com baião e salada e a comida serviu bem para um casal com uma criança. 

Como estávamos bem cansados da viagem, logo dormimos a noite. Mas rolou um sozinho ao vivo muito legal pertinho da área de camping, foi bem gostoso ouvir.

Sítio do Bosco
E-mail: fale@sitiodobosco.com.br
Telefone de contato: (88) 9444.8967
Site: www.sitiodobosco.com.br/
______________
A equipe do blog Rodando pelo Ceará esclarece que as opiniões acima são pessoais e refletem nossa satisfação no serviço contratado.

____________
Veja também o que fizemos em Ubajara e em Viçosa do Ceará.

Gostou dessas dicas? Compartilhe com seus amigos através das nossas redes sociais. Segue a gente também e fique por dentro das novidades da nossa aventura #rodandopeloceara. No instagra, você acompanha nossa viagem pela região pela hastag #rodandopelaIbiapaba.
Postar um comentário

Curta nossa fanpage

Se inscreva no nosso canal

Nossos parceiros

Fazemos parte