domingo, 5 de julho de 2015

O que fazer em Jericoacoara | Caminhada até a Pedra Furada

Eu comentei no post anterior, como chegar em Jericoacoara em um carro de passeio (confere ele aqui). Sem dúvida, foi um dos post's mais polêmicos que já escrevi aqui no Rodando pelo Ceará e que gerou, em nossas redes sociais, uma boa discussão (especialmente nos grupos de viagens que participamos). Gente que achava que não valia a pena o risco, gente que adorou a dica e gente que quis me mandar passear em algum lugar. Mas o fato é que cada viagem é única e reforço: aqui compartilhamos as NOSSAS experiências, que podem ser boas ou não para quem nos lê (mas a gente sempre espera que sejam ótimas, tá?!). Basta avaliar se o nosso estilo de viagem e nossas dicas condizem com o que você gosta de fazer. Simples assim, não?

Mas vamos falar do que conhecer por lá. Os passeios dividem-se em LITORAL LESTE e OESTE. O primeiro é, sem dúvida, o mais conhecido e procurado porque engloba os principais pontos turístico, que são: a Pedra Furada, a Lagoa do Paraíso e a Lagoa Azul (que muita gente acha que fica em Jericoacoara, mas na verdade ela faz parte do município de Cruz). A Árvore da Preguiça também é parada obrigatória pra uma foto, que já tínhamos feito no dia anterior. Escolhemos esse e um dia foi suficiente pra fazer o bate e volta pelo litoral leste e vou deixar aqui nossas dicas para você aproveitar o máximo da sua passagem por lá.


A principal forma de fazer esses passeios é de buggy (para até quatro pessoas) ou de quadriciclo (duas pessoas). Os valores variam muito e é sempre bom negociar. Tínhamos a situação de estar com uma criança e aí o dilema: ou teríamos que arrumar mais uma pessoa pra ir no buggy conosco (geralmente as agências conseguem) ou alugar dois quadriciclos. Em qualquer uma das opções, o custo não sairia menos de R$ 250,00 (valores de Junho/2015). Além de tudo, queríamos fazer os passeios no nosso tempo, respeitando os horários da nossa filha e curtindo mais ou menos cada atração a partir dos nossos gostos, e achamos que fechando dessa forma ficaríamos "presos" ao passeio (como presenciamos lá). Sendo assim, partimos para uma terceira opção - não muito divulgada, mas que foi muito interessante: fazer os passeios em carro particular!!!

Esse é um assunto bemmmmmmmmm polêmico, visto que não existe uma grande fiscalização em torno do uso de transportes, o que torna a situação, muitas vezes, bem complicada e até desrespeitosa com os transeuntes. Estávamos lá durante a semana e o que presenciamos foram motos, D-20 e buggys que fazem os passeios sem muito ordenamento. Mas não vimos nenhum carro particular (ao menos na hora que estivemos por lá). Nos fins de semana é pertinentemente proibido. Ou seja, a maioria dos carros que você vai ver circulando pela vila são de pessoas que trabalham com turismo por lá. Mas a grande vantagem, em nossa opinião, de ter ido no carro foi mesmo a questão dos passeios. Mas repare bem, usamos o carro apenas em dois momentos: para nos levar e trazer à vila e fazer os passeios. Repito: não há necessidade de você ficar circulando de carro pela vila. Curta o clima e deixe-se levar. Outro fator importante a destacar e que possibilitou o "sucesso" dessa aventura foi estarmos com um guia seguro e experiente. O contato dele está no post anterior. E, por fim, o período que fomos (Junho) ajudou muito. Ainda chovia no Ceará e a areia não estava muito solta, então todo o trecho era muito fácil de ser feito. Na foto abaixo, tirada no caminho até a Lagoa do Paraíso, dá pra ter uma ideia de como estava na ocasião.


Para o passeio, o guia nos cobrou R$ 80,00 e ficou todo o dia com a gente, nos levando nos locais e respeitando nosso tempo. Isso foi o melhor e vou explicar o porquê. Nós curtimos um estilo de viagem mais simples (e barata também!) e não gostamos de ficar presos a barracas pré-determinadas em passeios feitos por agências que certamente ganham ali sua comissão pra você consumir. Isso nos aconteceu quando fomos a Pipa-RN e foi muito estressante. Essa mesma situação acontece em qualquer destino turístico mais "badalado" e em Jericoacoara não é diferente. Então estar em nosso carro nos possibilitou ter essa liberdade que tanto prezamos, pra curtir - e consumir - onde melhor nos agradasse, inclusive financeiramente!

Caminhar até a Pedra Furada

Ponto de apoio






A Pedra Furada é o cartão postal de Jericoacoara. Trata-se de um monumento natural esculpido pelas ondas do mar, tombado pelo Parque Nacional de Jericoacoara. A caminhada até a Pedra é cansativa, debaixo de um sol escaldante, até mesmo para quem está acostumado as temperaturas mais elevadas do Nordeste. Na chegada, onde o carro fica, tem-se um ponto de apoio que vende água. Abasteça-se e prepare-se para ao menos 15 a 20 minutos entre pedras e areia (cada trecho, a depender do seu ritmo). Em algumas épocas o vento é bem forte e chega a machucar o atrito da areia com a pele. Pra quem vai com criança, avalie se compensa. Nossa filha, de 4 anos, é acostumada a essas aventuras e encara até melhor que a mamãe aqui, mas não deixa de ser cansativo. No nosso caso, levei um sling por segurança. Alguns trechos são bem difíceis, mas possíveis de serem superados. Em Julho o sol se põe bem no meio da pedra, proporcionando um grande espetáculo. Provavelmente você não terá foto sozinho na pedra. Estivemos lá em uma terça-feira, baixa estação, e olha aí quanta gente...





Momento #supersincera: é muito bacana fazer as fotos em um dos pontos turísticos mais conhecidos de Jericoacoara, mas recomenda-se fôlego. A caminhada realmente é um pouco dura, ainda mais pra pessoas sedentárias (alguém chamou?), com dificuldade de locomoção ou criança. Não há nenhum tipo de local de apoio durante o trajeto e quase nada de sombra. A volta foi muitooooooooo cansativa, pois também é subida. Vá no seu ritmo e leve água, você vai precisar!


______________

Gostou dessas dicas? Quer saber mais sobre Jericoacoara? Segue tudo em primeira mão em nosso Instagram @rodandopeloceara.



Veja como chegar em Jericoacoara de carro.

Aproveita pra conhecer a Lagoa do Paraíso e a Lagoa Azul.

Jericoacoara está na nossa lista TOP 5 de destinos românticos no Ceará.

Ache o hotel perfeito com nosso parceiro Booking.com clicando aqui.

Compartilhe com seus amigos através das nossas redes sociais. Segue a gente também e fique por dentro das nossas aventures #rodandopeloceara. Ah, e não se esqueça de curtir nossa fanpage no Facebook para acompanhar nossas aventuras.


Postar um comentário

Curta nossa fanpage

Se inscreva no nosso canal

Nossos parceiros

Fazemos parte